Vídeos e letras de música portuguesa

Vídeos e letras

Domingo, 22 de Março de 2009
Título: Seios
Intérprete: Gato Fedorento
Álbum: -
Ano: 2008
 
 
Seios
Vocês não olham a meios
P'ra proporcionar recreios
A quem vive à vossa beira

Seios
Têm tantas designações
Chuchas, tetas e balões
Marmelos, prateleira

Protuberâncias soberbas
Doces convexidades
Vós agradais sem reservas
A todas as idades

Desde ao bebé ao avô
Todos vos deitam a mão
P'ra efeitos de erotismo
Ou da própria nutrição

Seios
Estupendos orgãos glandulares
Ainda por cima
Vêm aos pares
Fornecer alimento e gozo

Seios
Complexamente constituídos
Por vários tipos de tecidos
Entre os quais o adiposo

Protuberâncias soberbas
Doces convexidades
Vós agradais sem reservas
A todas as idades

Desde ao bebé ao avô
Todos vos deitam a mão
P'ra efeitos de erotismo
Ou da própria nutrição

Seios
Quando estão bem apertados
Parecem, parecem pequenos rabos
São delícia peitoral

Seios
É tão raro serem feios
Sejam naturais ou cheios
De silicone indistruial

Aliás, há um doutor em Odivelas
Um doutor que faz trabalhos já bastante bons
Mas ainda muito em conta
Introduzindo sacas de 800 ml
Em qualquer tipo de seio
A partir de 1500 euros
Por mais 200, chega a fazer com anestesia
O contacto deste artista é o 2141962715
Ligue que ele faz

Protuberâncias soberbas
Doces convexidades
Vós agradais sem reservas
A todas as idades

Desde ao bebé ao avô
Todos vos deitam a mão
P'ra efeitos de erotismo
Ou da própria nutrição

Nomeadamente, leitinho
Seios...
 

Publicado por Daxe Renal às 00:56