Vídeos e letras de música portuguesa

Vídeos e letras

Quarta-feira, 15 de Abril de 2009
 
Título: Rebelde no amor
Intérprete: Ruth Marlene
Álbum: Rebelde
Ano: 2007
 
 
Rebelde no amor
Rebelde no amor

No amor eu não sou brisa
Sou antes um vendaval
Fera à solta, fugitiva
Com menos mel e mais sal

Na paixão eu sou o mesmo
Antes guerra do que paz
Coração não tem sossego
E ninguém o satisfaz

Se hover alguém por aí
Que seja assim como eu sou
Que se junte então a mim
Faça-me um anjo do céu
Eu só mudo, sei que sim
Com um rebelde como eu

Sempre fui assim
Seja com quem for
Sou até ao fim
Rebelde no amor

Sempre fui assim
Seja com quem for
Sou até ao fim
Rebelde no amor

Quem me faz deixar de ser
Rebelde no amor
Quem vai mudar o que eu sou
Rebelde no amor

...

No amor eu não sou brisa
Sou antes um vendaval
Fera à solta, fugitiva
Com menos mel e mais sal

Na paixão eu sou o mesmo
Antes guerra do que paz
Coração não tem sossego
E ninguém o satisfaz

Se hover alguém por aí
Que seja assim como eu sou
Que se junte então a mim
Faça-me um anjo do céu
Eu só mudo, sei que sim
Com um rebelde como eu

Sempre fui assim
Seja com quem for
Sou até ao fim
Rebelde no amor

Sempre fui assim
Seja com quem for
Sou até ao fim
Rebelde no amor

Quem me faz deixar de ser
Rebelde no amor
Quem vai mudar o que eu sou
Rebelde no amor

Rebelde no amor
Rebelde no amor

Sempre fui assim
Seja com quem for
Sou até ao fim
Rebelde no amor

Sempre fui assim
Seja com quem for
Sou até ao fim
Rebelde no amor

Quem me faz deixar de ser
Rebelde no amor
Quem vai mudar o que eu sou
Rebelde no amor
Hoje vou ficar
No quente dos lençois
Não quero acordar
Das minhas ilusões

Sonhar é tão bom
Quando se ama
Com forte chama
Lindo brilho azul

Vem no meu sonho
Remar no meu mar
Ver o sol acordar
Vem-me abraçar
Vem, vem dançar
Vem na onda do meu mar

Quando estou contigo
Sou lua de cristal
Sou estrela carente
Do calor do teu sol
 
Ai, amar é tão bom
Doce magia
Do teu encanto
Eterna fantasia

Vem no meu sonho
Remar no meu mar
Ver o sol acordar
Vem-me abraçar
Vem, vem dançar
Vem na onda do meu mar

Vem no meu sonho
Remar no meu mar
Ver o sol acordar
Vem-me abraçar
Vem, vem dançar
Vem na onda do meu mar

Vem!
 

Publicado por Daxe Renal às 00:39